Nota de pesar pelo falecimento do professor Sérgio Mascarenhas de Oliveira

O CTI Renato Archer expressa profundo pesar pelo falecimento do professor Sérgio Mascarenhas de Oliveira, físico-químico brasileiro que, além de ter desenvolvidoSergio Mascarenhas pesquisas relevantes em diversas áreas, foi o responsável por trazer um grande desenvolvimento social, científico e tecnológico para o Brasil.

Sérgio Mascarenhas foi o fundador do Instituto de Física e Química da Universidade de São Paulo (USP), Centro Nacional de Pesquisa e Desenvolvimento de Instrumentação Agropecuária em São Carlos (EMBRAPA), cooperou na fundação da Universidade Federal de São Carlos e na criação do curso de Engenharia de Materiais.

Além disso, Mascarenhas fundou e dirigiu a Fundação de Pesquisas Adib Jatene (Instituto Cardiologia Dante Pazzanese - SP); implantou e dirigiu cursos de biofísica e física médica no ICTP (Trieste, Itália) a convite do Prêmio Nobel Abdus Salam.

Amigo próximo de Renato Archer, primeiro ministro de C&T brasileiro, o professor Sérgio contribuiu para a criação do ministério, em 1985, e foi figura marcante nas atividades e ações do CTI ao longo dos anos.

Mensagens:

“Professor Sérgio Mascarenhas foi um exemplo para a pesquisa nacional e um norte na formação de diversos pesquisadores. Já idoso, quando poderia simplesmente usufruir de sua obra, manteve-se ativo, orientando o desenvolvimento de pesquisas e pesquisadores. O CTI teve o privilégio de participar desse legado, tendo apoiado o desenvolvimento de trabalhos orientados pelo Professor. Além disso, sua visão de futuro e entendimento do presente sempre foram muito lúcidos, sendo fonte de inspiração e apoio. O CTI carrega o nome de um ilustre amigo do Professor Sérgio, o também pesquisador Renato Archer, juntos os dois simbolizaram a vitória de uma geração de pesquisadores brasileiros”. (Pedro Noritomi, pesquisador do CTI Renato Archer)

"Aqueles, como eu, que tiveram a oportunidade de participar da amizade familiar e desfrutar dos inúmeros projetos científicos idealizados pelo Sérgio Mascarenhas são pessoas privilegiadas. O Sérgio se manteve sempre criativo e deixa como legado contribuições científicas e tecnológicas de impacto. Ele sempre defendeu e fundamentou a importância da nossa sociedade valorizar a educação e a ciência. Essa missão hoje prossegue com todos aqueles que foram por ele despertados e compartilham dos seus ideais. O legado de conhecimentos científicos e culturais deixados pelo Sérgio Mascarenhas dispensa objetivos superlativos". (Sérgio Celaschi, pesquisador do CTI Renato Archer)

Imagem: Reprodução EPTV
Fontes: IFSC-USP
Marzagão, L.A. "A física do Estado Sólido no Brasil: Relações entre Ciência, Indústria e Sociedade". 

 

Este website utiliza cookies para melhorar a sua experiência como usuário. Acesse nossa Política de Cookies para obter uma descrição detalhada dos tipos de cookies que podemos utilizar.